Vendas

Apartamento decorado facilita a venda e ajuda na criatividade

Além de oferecer segurança ao consumidor na hora da negociação, o ambiente mobiliado pode ajudar na criatividade para o momento de decorar

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 09/07/2015 10:29 / atualizado em 09/07/2015 11:12

Empresas fazem estudo minucioso do mercado para levar aos decorados uma identidade comum ao público-alvo  - Celi/Divulgação Empresas fazem estudo minucioso do mercado para levar aos decorados uma identidade comum ao público-alvo

Sabe aquele apartamento que você está paquerando, que já sondou os preços, conferiu o tamanho, a quantidade de quartos e até já imagina como será a decoração, mas ainda não tem segurança para fechar o negócio? Uma saída para resolver essa dúvida é o apartamento modelo, ou o decorado. É um espaço erguido pela construtora próximo ao estande de vendas ou no canteiro de obras que possui as mesmas caracterísitcas das unidades do empreendimento. Mais do que uma simples ambientação, o apartamento-exemplo serve como inspiração para quem pretende decorar a futura residência, mas ainda não sabe por onde começar.


A professora da rede pública municipal Janice Maria passou por essa situação. Interessada em investir num terceiro patrimônio, encontrou um apartamento que cabia nos planos, em Candeias, que está sendo erguido pela empresa sergipana Celi. Apesar de concordar com a política de negociação da empresa, faltava um detalhe para garantir a compra. Foi aí que o apartamento decorado entrou para ajudar a fechar o contrato. “Eu me interessei pela forma como o quarto estava desenhado. Como sou professora e utilizo muitos livros, vi que poderia usar uma decoração que atende à minha necessidade”, explicou.

Do ponto de vista dos negócios, o apartamento decorado garante uma boa velocidade de vendas. A gerente de produtos da Celi, Adriana Rost, destaca que há um estudo minucioso do mercado para imprimir aos decorados uma identidade comum ao público-alvo do projeto. “A concepção depende, exclusivamente, do perfil do nosso cliente. No entanto, nada impede que a empresa ofereça três opções de decoração para contemplar perfis”, pontuou. E nesse quesito, a estratégia é conciliar a proposta do empreendimento com as tendências contemporâneas da arquitetura. “É importante a distribuição exata de móveis, ocupando os ambientes integrados de modo dinâmico e conectando os espaços sociais. A harmonização de cores, texturas e materiais é a receita de sucesso”, explicou a arquiteta Ingrid Luna.

 

Do ponto de vista dos negócios, o apartamento decorado garante uma boa velocidade de vendas  - Celi/Divulgação Do ponto de vista dos negócios, o apartamento decorado garante uma boa velocidade de vendas
 

Em alguns casos, quando a empresa não tem tanta capilaridade no mercado, ela espera o projeto avançar para utilizar um pavimento como exemplo, o que fica mais econômico. Adriana destaca que, apesar de ser um procedimento mais lento, há vantagens. “Nesse caso, o cliente vai ter uma sensação mais completa do imóvel. Além de conferir detalhes mais técnicos, ela também vai compreender a posição do apartamento, como é a vista e a ventilação”, conta.

Tags: morar

Anúncios do Lugar Certo

Últimas notícias

ver todas
17 de novembro de 2016
03 de novembro de 2016
27 de outubro de 2016
20 de outubro de 2016