Tecnologia

A utilidade dos drones

Empresas da construção civil encontram nos veículos aéreos diversas formas de utilização, com ganho em tempo e dinheiro

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 01/10/2015 13:38 / atualizado em 01/10/2015 13:55
Além de fotografias e vídeos, o equipamento pode utilizar outros sensores de captação de informação - Hesiodo Goes/Esp. DP/D.A Além de fotografias e vídeos, o equipamento pode utilizar outros sensores de captação de informação
A utilização de veículos aéreos não tripulados (VANTs) ou drones, como são conhecidos, começa a ser mais comum para construroras que já adotam o recurso para outras finalidades que não a convencional. Entre as vantagens oferecidas pelo equipamento estão o mapeamento da área onde o projeto será realizado, avaliação de viabilidade e geração de pré-projetos, acompanhamento da evolução da obra com fotografias, entre outras.

Para Luiz Dalbelo, gerente de vendas da Santiago & Cintra, há ainda a possibilidade do uso de drones em inspeções. “Em estruturas altas de difícil acesso, os VANTs são muito recomendados. Além de fotografias e vídeos em alta resolução, eles podem utilizar outros sensores de captação de informação. Um deles seria, por exemplo, um sensor termal, utilizado na inspeção de equipamentos e estruturas. Caso o operador detecte pontos com excesso de calor, ele pode tomar uma ação corretiva para sanar algum defeito da estrutura ou do equipamento utilizado”, detalha.

A economia de tempo e dinheiro e a maior segurança para os funcionários também são questões importantes para esse mercado. “Enquanto uma equipe de topografia poderia levar semanas para levantar uma área de 100 hectares, dependendo do grau de detalhamento, um drone pode visualizar esta área em menos de meia hora”, exlica Dalbelo.

A Norplan Urbanismo utilizou drones para filmar e fotografar um terreno de 43 hectares, onde será erguido o bairro planejado Nova Carpina. Segundo Henrique Neves, sócio-diretor da construtora, a chegada da tecnologia economizou tempo e dinheiro. “O custo do aluguel de um drone é bem menor do que seria o de um helicóptero, por exemplo”, observa. Pilotado por um controle remoto com visor, o equipamento aéreo permite que as fotos sejam ajustadas na hora.

No acompanhamento da evolução das obras, os drones oferecem imagens estratégicas para a comercialização das unidades. De acordo com Valdenio Melo, coordenador de marketing da Construtora Conic, a tecnologia aproxima o cliente da obra. “Através de um passeio com o drone os clientes podem acompanhar a obra e ainda saberão como é a vista em todos os apartamentos”, relata.

Apesar de não existir um levantamento preciso de quantos drones operam dentro da construção civil no país, Luiz Dalbelo acredita no potencial do negócio. "Sabemos que algumas dezenas de VANTs já foram adquiridas por diferentes empresas que prestam serviço para esta finalidade".

Tags:

Anúncios do Lugar Certo

Últimas notícias

ver todas
17 de novembro de 2016
03 de novembro de 2016
27 de outubro de 2016
20 de outubro de 2016