Solo

Mais drenagem, menos alagamento

Os pisos drenantes absorvem a água e reduzem o risco de enchentes, além de evitar danos econômicos e ambientais

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 28/01/2016 10:42 / atualizado em 28/01/2016 12:00 Wagner Souza /Especial para o Lugar Certo

Estrutura é ideal para áreas externas como calçadas e beiras de piscinas - Raquel Melo/Divulgação Estrutura é ideal para áreas externas como calçadas e beiras de piscinas
Estamos no verão, mas as chuvas têm aparecido com frequência. São nessas horas que percebe-se a capacidade de drenagem do piso utilizado nos asfaltos públicos, mas também nas áreas privadas. Para facilitar o processo de impermeabilização, materiais drenantes são apontados como solução tecnológica e sustentável, evitando acidentes e tornando os projetos esteticamente mais atraentes.


O piso especial produzido  pela Prenorte auxilia na recuperação da capacidade de infiltração do solo. “Diminui os riscos de enchentes, recupera áreas degradadas e elimina ou atenua os sistemas de estancamento de águas de chuva, como ‘piscinões’. Nas áreas urbanas, promove ganho ambiental e econômico”, afirma o diretor da Prenorte do Nordeste, Rinaldo Rocha Júnior. O revestimento drenante também é indicado para locais de menor solicitação de carga, onde a resistência é menos exigida, como ciclovias, quadras poliesportivas e estacionamentos. “Seria uma ótima solução para ser implementada em mais calçadas do Recife”, sugere Rinaldo.


Ideais para áreas externas, principalmente beiras de piscinas, calçadas e espaços que ficam molhados, esse tipo de piso tem a proposta de cobrir grandes áreas de forma permeável, pois a estrutura permite que a água da chuva se infiltre e chegue ao solo. Isto é, ao absorver a água e mantê-la por um tempo em uma base/reservatório, esses pavimentos reduzem a velocidade com que ela escoa para as galerias subterrâneas e minimizam as enchentes.


Segundo o engenheiro ambiental e professor da Faculdade dos Guararapes, Luis Cometti, esse tipo de revestimento não é utilizado com mais frequência em espaços públicos devido à sua resistência. “No processo de urbanização, há uma forte tendência na utilização de pisos impermeáveis, os quais são bem resistentes, ao contrário dos que são drenantes”, comenta. No entanto, o professor também diz que essa preferência traz um ônus para a população. “Quanto mais impermeável, maior as chances de alagamento nas áreas de pisos convencionais em períodos chuvosos”.


Alguns empreendimentos estão adotando o sistema de calçadas drenantes. É o caso do edifício Maria Letícia, da Queiroz Galvão, construído em Boa Viagem. Seguindo a mesma linha, a construtora Rio Ave instalou a calçada drenante no hotel Courtyard by Marriott, em Boa Viagem. Concreto permeável, asfalto poroso, pavimentos intertravados, ecopavimento com agregados ou com grama são materiais que apontam para o futuro dos pisos.

Tags: casa,

Anúncios do Lugar Certo

Últimas notícias

ver todas
13 de fevereiro de 2017
02 de fevereiro de 2017
19 de janeiro de 2017
06 de janeiro de 2017
15 de dezembro de 2016